Meu novo Blog

17 de mai de 2011

Stephen Hawking: "Não há céu nem vida após a morte"

O astrofísico norte-americano Stephen Hawking, de 69 anos, afirmou em entrevista à edição desta segunda-feira do diário inglês The Guardian que a vida após a morte não passa de um “conto de fadas” para pessoas com medo de morrer...Eu considero o cérebro como um computador que vai parar de trabalhar quando seus componentes falharem. Não há céu nem vida após a morte para computadores quebrados, isto é um conto de fadas para as pessoas com medo do escuro – disse ao jornal britânico...Nos anos 80, Hawking dizia que uma teoria do tudo, a qual Einstein buscava e que poderia explicar todas as forças e partículas do Universo, seria o que levaria o homem a “conhecer a mente de Deus”. Agora, o astrofísico descarta a vida após a morte e diz que devemos focar nosso potencial na Terra fazendo bom uso de nossas vidas. (Fonte:http://correiodobrasil.com.br/hawking-vida-apos-a-morte-e-conto-de-fadas-para-quem-tem-medo/240620/) - Correio do Brasil, nº 4154, de 17/05/11.

Para quem nunca esteve do lado de lá, e que aqui vive totalmente aprisionado pela realidade física, material e temporal, não teria bom senso em dar palpite quanto este assunto. Mas todos tem o direito de errar. Que visão curta, pra não chamar de ignorância, comparar o ser humano (obra prima de Deus) com uma máquina. Jamais um computador chegará à inteligência, à cognitividade, à criatividade, à emotividade ou a qual outra característica peculiar de um ser humano. Fosse assim, o próprio Hawking já teria trocado algum "hardware" defeituoso do seu corpo ou feito um update de seu cérebro.

Parece que a teoria M (sobre surgimento do Universo/homem) vai ser resumida assim: O homem evoluiu do macaco e virou um computador!!!

Como diz a Bíblia: "Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos." (Romanos 1:22)

2 comentários:

  1. Façamos assim, prove você a existência de deus. Se você conseguir PROVAR, será o primeiro a fazer isso. Use a razão. Prefira saber em vez de acreditar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem crer será salvo, quem não crer está condenado: "pois o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou. Pois desde a criação do mundo os atributos invisíveis de Deus, seu eterno poder e sua natureza divina, têm sido vistos claramente, sendo compreendidos por meio das coisas criadas, de forma que tais homens são indesculpáveis; porque, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças, mas os seus pensamentos tornaram-se fúteis e os seus corações insensatos se obscureceram. Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. (Romanos 1.19-22).
      Lá na eternidade vc me fala se seu ceticismo serviu para alguma coisa!

      Excluir